Regimento

REGIMENTO DA REVISTA ELETRÔNICA MULTIDISCIPLINAR PINDORAMA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E

TECNOLOGIA DA BAHIA – IFBA, campus Eunápolis.

 

TÍTULO I DO OBJETIVO

 

Art. 1º. A Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama é uma publicação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia – IFBA, campus Eunápolis.

 

Art. 2º. A Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama se destina a divulgar a produção acadêmica e científica de pesquisadores e grupos de pesquisa, nacionais e internacionais das diversas áreas do conhecimento, contribuindo para o intercâmbio e promovendo a divulgação de novos conhecimentos.

 

Art. 3º. A Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama publica artigos científicos, artigos de revisão, ensaios, resenhas e relatos de experiência inéditos, oriundos de pesquisas e estudos sob enfoque multidisciplinar.

 

 

TÍTULO II

DO PÚBLICO - ALVO

 

Art. 4º. Pesquisadores, docentes, pós-graduandos e profissionais liberais, interessados no debate acadêmico multidisciplinar e pretendam divulgar resultados de pesquisa e textos de reflexão teórica-conceitual.

 

 

TITULO III

DAS RESPONSABILIDADES

 

Art. 5°. As partes constituintes responsáveis pela organização geral da revista estão divididas nas seguintes seções: Conselho Editorial, Conselho Consultivo, Banco de Pareceristas ad hoc e Equipe Técnica.

 

Art. 6º. Da composição do Conselho Editorial:

 

  • Editor, eleito pelos pares no conselheiro editorial, com mandato de dois anos.

 

  • Membros do Conselho: um/uma representante das grandes áreas de atuação descritas pelo Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia (CNPq), com mandato de dois anos, selecionados por meio de edital próprio, integrado por servidores efetivos do IFBA campus Eunápolis, com titulação mínima de mestre.

 

  • 1°: A permanência das/dos conselheiras/conselheiros no Conselho Editorial é condicionada à efetiva participação, que será observada a partir dos seguintes critérios: cumprimento de demandas atribuídas; não possuir 3 (três) ausências consecutivas ou não, sem justificativa, nas reuniões, no período de um ano. O não atendimento aos critérios de permanência será avaliado pelo Conselho Editorial ao final de cada semestre, tomando por base o relatório semestral de atividades da Revista. Em caso de desligamento de algum membro pelo Conselho Editorial fica, doravante, vedada a participação do/a mesmo/a no Edital subsequente para seleção de membros para o Conselho Editorial.

 

Parágrafo Único: Caso haja vagas do Conselho Editorial não preenchidas por servidores do campus Eunápolis, dentro das prerrogativas do Edital, poderão ser preenchidas por convite a critério do Conselho Editorial a

 

docentes/pesquisadores,    preferencialmente    de    Instituições    de    Ensino Superior que atuam na circunvizinhança.

Art. 7º. Das atribuições do/a Editor/a:

 

  • Apresentar relatório semestral das atividades do Conselho Editorial em reunião do referido Conselho, bem como publicizá-lo;
  • Representar o Conselho Editorial em qualquer foro pertinente;
  • Presidir e convocar as reuniões do Conselho Editorial;
  • Zelar pelo   cumprimento   deste    regimento    e    demais    normativas referentes ao IFBA, campus Eunápolis.

 

Art. 8°. Das atribuições do Conselho Editorial

 

  • Definir e reformular políticas editoriais e regimento, sempre que necessário;
  • Definir diretrizes de avaliação de trabalhos;
  • Definir diretrizes para a submissão dos trabalhos;
  • Criar novas seções e edições especiais da Revista;
  • Tomar decisão    editorial com base na recomendação do Conselho Consultivo;
  • Participar das reuniões de avaliação da
  • Escolher os membros do Conselho Consultivo e pareceristas ad hoc;
  • Enviar trabalhos submetidos aos pareceristas de cada área;
  • Receber pareceres;
  • Emitir parecer sobre a avaliação dos trabalhos;
  • Comunicar recomendações dos pareceristas aos

 

 

Art. 9°. O Conselho Consultivo é formado por docentes/pesquisadores vinculados a Instituições de Ensino Superior, preferencialmente de Instituições de Ensino Superior que atuam na circunvizinhança.

 

  • 1°: É de competência dos membros do Conselho Editorial a indicação e o convite de docentes/pesquisadores           para    a    composição    do    Conselho

 

Consultivo, no máximo 25 membros, obrigatoriamente com a titulação mínima de mestre.

  • 2°: Os membros do Conselho Consultivo serão representantes das áreas mencionadas no Art. 6º, parágrafo 1, e terão mandato de dois anos, sendo permitida mais uma recondução.

 

  • 3°: Compete ao Conselho Consultivo:
  • Fornecer apoio acadêmico ao Conselho Editorial;
  • Auxiliar na divulgação da Revista;
  • Opinar sobre a qualidade e relevância da Revista;
  • Emitir pareceres sobre as contribuições encaminhadas;
  • Poderá propor ideias e mudanças na política editorial vigente;
  • Participar, quando convidados, como pareceristas na avaliação dos trabalhos submetidos à publicação na Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama.

 

Art. 10°. Denomina-se Banco de Pareceristas o conjunto de docentes/pesquisadores, com a titulação mínima de mestre, responsáveis pela avaliação dos materiais encaminhados à revista. O Banco de Pareceristas será subdividido em dois grupos: (i) Banco de Pareceristas Internos: composto por docentes/pesquisadores do IFBA interessados em colaborar com a revista e (ii) Banco de Pareceristas Externos: composto por docentes/pesquisadores de outras instituições que desejam atuar como pareceristas/revisores. Não há, a princípio, número definido de docentes/pesquisadores para a composição do Banco de Pareceristas. Em cada número publicado da revista constará a lista dos pareceristas colaboradores

  • 1°: Os pareceristas serão indicados pelo Conselho Editorial e Consultivo da Revista.
  • 2°:Compete ao grupo de pareceristas avaliar os trabalhos submetidos à revista dentro dos prazos previstos neste regulamento.

 

Parágrafo Único: Os/As autores/as que tiveram trabalhos aprovados para publicação na Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama, poderão ser convidados a compor o banco de pareceristas.

 

Art. 11°. A Equipe Técnica será composta por dois servidores do IFBA, campus-Eunápolis: um Técnico em Tecnologia da Informação e uma Jornalista, selecionados/as pelo Conselho Editorial.

  • 1°: Compete à Equipe Técnica configurar, atualizar e divulgar a página eletrônica da Revista.

 

Art. 12°. A direção geral do campus-Eunápolis deverá propiciar os meios operacionais para que o conselho Editorial possa exercer a administração da Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama.

 

 

TÍTULO IV

DA PERIODICIDADE

 

Art. 13º. A Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia – IFBA terá periodicidade semestral,

 

  • 1°: A numeração das edições dar-se-á da seguinte forma: cada Volume terá Número crescente, de acordo com os meses da publicação. Edições Especiais seguirão a contagem dos Números, mas deverá ser assinalado o caráter da especialidade.

 

Art. 14°. A Revista terá formato eletrônico, mediante hospedagem no sítio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia – IFBA.

 

  • 1°: A Revista terá acesso irrestrito e gratuito.

 

 

TÍTULO V

DA ORIENTAÇÃO EDITORIAL

 

Art. 15º. Serão aceitos os trabalhos na modalidade de Artigo Científico, Artigo de Revisão, Relato de Experiência, Resenhas e Ensaios, necessariamente inéditos, que não foram nem publicados e nem estejam no prelo para publicação, enviados por meio eletrônico.

  • 1°: Os trabalhos devem, obrigatoriamente, atender às normas indicadas na página eletrônica do periódico.

 

Art. 16º. Os artigos assinados serão de responsabilidade exclusiva de seus autores, não refletindo a opinião do Conselho Editorial nem do IFBA, câmpus Eunápolis.

 

Art. 17°. A autoria dos artigos, durante o processo de avaliação, será mantida em sigilo pelos membros do Conselho Editorial.

 

TÍTULO VI

SELEÇÃO E PUBLICAÇÃO DOS TRABALHOS

 

 

Art. 18º. Os pareceristas terão prazo máximo de 60 dias para avaliar o trabalho. Passado este prazo, os membros do Conselho Editorial ficam livres para substituir o parecerista.

Art. 19º. Os autores terão prazo de 30 dias para a entrega da versão final dos artigos, a contar do recebimento dos pareceres, sob a pena de recusa do manuscrito por parte do Conselho Editorial.

Art. 20º. A publicação dos trabalhos aprovados dependerá de parecer favorável emitido pelo Conselho Editorial.

 

TÍTULO VII

 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

 

 

Art. 21°. Este regulamento só poderá ser modificado pelo Conselho Editorial, com a presença de mais de 50% dos seus membros.

 

Art. 22°. Os casos omissos e as dúvidas suscitadas na aplicação do presente Regimento serão dirimidos pelo Conselho Editorial da Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia – IFBA.

 

Art. 23°. Este regulamento entrará em vigor após ser aprovado pelo Conselho do Campus.